Postagens

Mostrando postagens de 2012

Quando Tu Apareces

Um Anjo

Imagem
Um anjo passou por mim Um anjo passou por mim Com seu resplendor Com calor e com fervor
Um anjo passou por mim Um anjo passou por mim E eu não pude ver E eu não pude perceber

Não tenho como te alcançar Voaste tão alto deste lugar Não posso mais te ouvir falar Nem como te chamar
Por que essa terra me cegou? E a lágrima que em mim secou Nem os teus olhos posso ver Nem tuas mãos posso sentir E tudo o que eu quero é te conhecer Te conhecer.


Thiago Guimarães de Pina

Junto Contigo

Escrito a Mão

Imagem
Havia tempo que não escrevia a mão Deposito aqui os meus garranchos e aflições De um poeta que escreve temendo o não E quebrando o medo em dois de tantas emoções.
Hoje eu escrevo a ti por sonhar ser capaz De ser mais, fazer mais que arrancar um suspiro Ser mais que uma brisa passageira de paz Mais que um leve e momentâneo momento, eu aspiro.
Juro-te assim como Deus vive Que quero, com estas palavras, tocar seu coração Sei que não sou perfeito e nem vou criar a ilusão De que a vida será perfeita, mas será sim livre.
E te digo que será livre com a certeza De que serei o melhor de mim a cada dia Para sair do anonimato a grandeza Para secar as tuas lágrimas e trazer alegria.
E sei que agora pensas que sou um louco Afinal mal a conheço e mal sabes quem sou Mal dizemos “oi” e se foi dito, foi pouco Mas te fazer sorrir é o que me faz ser quem sou.
Thiago Guimarães de Pina

A Realeza e o Plebeu

Numa Central de Atendimento...

Imagem

Só os Loucos Prezam

Era seco como areia do deserto
era abandonado a sorte do incerto
largado ao relento do castigo de ter sofrido
guerras, corrupções, cortes, tudo destruido.

Não olhava mais para o céu
não queria mais a terra do leite e mel
não perguntava mais ao vento
o que invadia o reles pensamento.

Não pensava em como o amanhã seria
não queria mais uma vez o coração que partia
para a metade dar ao sonho que ali construia.

O sangue já não corria em suas veias
e o perpassar das vias se formaram teias
e o envelhecimento precoce tomou conta
e a tristeza mais uma vez desbancou em ponta.

E a lança do tempo feriu mais um vez
o dali jorrou o sangue que deveria fluir
pela via das veias que jás a sensatez
de ser sã e humilde como um caráter a pedir.

Mas o coração ainda pede para amar
o coração ainda pede para ressuscitar
por que ele quer viver e ter em si, felicidade.

Essa que só os loucos prezam a vontade
de profetizar a vida no vale de ossos secos
e a edificação de templos em poucos três dias
para vivenciar …

A Ele

Imagem